Cães da PM que integram Operações podem estar infectados com calazar

57

Um teste rápido feito pela Secretaria de Saúde de Palmas (Semus) indica que cães da Políca Militar do Tocantins podem estar infectados com calazar. O resultado indica apenas a suspeita e precisa de outros exames mais detalhados para ser comprovado. Nem a PM, nem a Secretaria de Saúde informaram quantos cachorros receberam o dignóstico.

De acordo com a Semus, os testes foram feitos a pedido da própria PM. O Capitão Guinomar Regino Dias Magalhães, que comanda o Grupo de Operações com Cães (Goc), confirmou a informação e disse que o acompanhamento da saúde dos animais é feito de forma rotineira. Ele disse que os cachorros com a suspeita estão isolados e não devem participar de operações nos próximos dias.

exibefoto

O Centro de Controle de Zoonoses já recolheu o material para que os exames de laboratório sejam feitos, o resultado final deve sair em uma semana. Tannto o Goc como a Semus destacaram que o teste rápido não dá um resultado definitivo e que a suspeita ainda pode ser descartada.

Sua opinião é muito importante: