Cooperativa de Biojoias de Xambioá aumenta vendas em 50% após novela

0
315
Foto: Maria Cotrim

A novela “O outro Lado do Paraíso” trouxe retorno para os setores do Tocantins que apareceram na trama. Um deles é a Cooperativa dos Artesãos de Biojóias (COOABX), de Xambioá que neste ano teve um lucro de 50% na Agrotins.

Uma das cooperadas, Elisangela Amâncio mora em Xambioá e contou à Gazeta do Cerrado sobre a expectativa das vendas este ano: “Para mim foi bom eu nunca tinha vindo e achei as vendas bem proveitosas”.

A Cooperativa produz artesanato com trançados, pedras, bijuterias, barro e cerâmica. A mesma atende estudantes e na população interessada em aprender, por prazer, hobby, terapia ou com intuitos comerciais. O projeto XambiArt conta com 20 mulheres da região de Alto Bonito, em Xambioá, produzindo biojóias e artesanato a partir da utilização de elementos naturais provenientes da região do rio Araguaia, como barro, argila, coco e palha.

A veterana Deusimar, por sua vez, relata sobre o lucro que gerou a venda das biojóias nesta edição: “É a terceira veze que venho na Agrotins, as vendas impulsionaram 50% devido à novela sendo positivo para nós que vivemos desta arte”, disse.

O projeto foi lançado em 2013 pelo Programa ReDes, apoiado pela Votorantim Cimentos em parceria com o Instituto Votorantim e do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). Uma das peças mais vendidas foi a usada várias vezes pela personagem de Glória Pires como mostra a foto.

Sua opinião é muito importante: