Após exonerações, Prefeitura recua e mantém mais 230 servidores

0
109
Divulgação

A Prefeitura de Palmas recuou e resolveu manter 234 servidores que tinham sido exonerados na semana passada, quando mais de 1 mil contratos temporários foram extintos pelo munícipio. As portarias que tratam sobre o assunto foram publicadas no Diário Oficial desta quarta-feira (7).

A maior parte dos contratos que serão mantidos está ligada a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos. São 211 pessoas que trabalham como auxiliares de serviços gerais.

Outra portaria também revogou a exoneração de cargos de chefia, como gerentes, superintendentes, diretores, além de assessores especiais e jurídicos. Neste caso foram mantidos os contratos de 23 pessoas de diversas secretarias.

Após extinguir os cargos de 1.153 servidores públicos e retirar as funções gratificadas de 182 pessoas, na semana passada, a prefeitura afirmou que se tratava de uma reforma administrativa. Informou que as mudanças buscavam racionalizar custos e melhorar a eficiência dos serviços prestados, assim como a modernização administrativa.

O outro lado

A equipe Gazeta do Cerrado entrou em contato com a Prefeitura de Palmas, mas até o momento não obtivemos resposta. O espaço continua aberto para posicionamento.

Fonte: G1 Tocantins

Sua opinião é muito importante: