PSB de Amastha quer se fortalecer para eleições de 2020 e diz ser contra lógica do “quanto pior melhor” no Estado

0
79
Divulgação

O PSB Estadual, que tem como Presidente, Carlos Amasths, se reuniu definiu a postura com relação a gestão estadual.

Na nota, a legenda que tem um deputado estadual, Ricardo Ayres diz que é contra a lógica do quanto pior melhor.

A sigla vai focar no fortalecimento nos municípios e vai discutir a relação com a gestão de Palmas.

Veja a íntegra da nota:

Nota Partido Socialista Brasileiro (PSB)

Frente a nova conjuntura nacional, o Partido Socialista Brasileiro (PSB) foi novamente reconhecido por centenas de milhares de eleitores. 32 deputados federais, dois senadores e três governadores foram eleitos no país. De forma responsável vamos continuar trabalhando para que prevaleça em discussão as agendas de interesse nacional e da nossa população. Estaremos sempre na linha de frente da defesa dos valores e práticas democráticas, da liberdade de imprensa e da organização social e política.

Especificamente no Tocantins, definitivamente não nos estimula a lógica do “quanto pior, melhor”. Pelo contrário, vamos trabalhar sem descanso com uma agenda definida em função das demandas e urgências do Estado e de cada tocantinense. Vamos também, fortalecer o PSB e preparar os quadros do partido para a disputa de prefeitos e vereadores em 2020 e já começar a discussão das alianças para as disputas de 2022.

No âmbito de Palmas, a executiva municipal do PSB vai se reunir neste sábado, 10. Posteriormente vai procurar o governo municipal, da prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB), e conversar sobre a contribuição do PSB na gestão.

Carlos Amastha

Presidente Estadual do PSB

Sua opinião é muito importante: