E a consciência negra? deputada eleita lembra data e afirma que políticos precisam encampar luta

0
60

Maria José Cotrim

Os deputados estaduais e autoridades do Tocantins celebram neste dia 20 de novembro uma homenagem pelos 30 anos do Estado. A sessão acontece após a data do aniversário em razão do período eleitoral e chocou com o dia da Consciência Negra.

Poucos parlamentares se atentaram á data de hoje num Estado com 78% da população negra. Conforme apuramos, a Casa de Leis deve fazer um evento ainda neste mês para pautar o assunto.

A deputada eleita pelo PV e ex-vice-governadora Cláudia Lelis falou sobre o assunto em entrevista ao jornalista da Gazeta, Rogério Tortola. Ela foi prestigiar a sessão solene e fez questão de lembrar o assunto. “Quero parabenizar a iniciativa da presidente da Casa, Luana Ribeiro, penso que o reconhecimento é importantíssimo e hoje nos 30 anos do Tocantins é necessário realmente reconhecer cada tocantinense, cada homem, cada mulher que dedicou sua vida na construção deste Estado, os tocantinenses de nascença e os de coração também”, disse.

Durante a entrevista ela falou do dia da Consciência Negra: ” Vamos cumprir o que dizemos na campanha que é defender os direitos da população. Quero aproveitar e ressaltar que hoje é o Dia da Consciência Negra que nós que fomos eleitos pelo povo esta é uma luta que devemos  encampar e respeitar  e a partir do ano que vem esta luta será diária porque penso que todos tem que ter os direitos respeitados e oportunidades iguais”, disse.

Sua opinião é muito importante: