CPI do Previpalmas: Vai dar tempo concluir os trabalhos?

Foto: Divulgação

Rogério Tortola – Gazeta do Cerrado

A comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a conduta e possíveis aplicações irregulares de gestores do Previpalmas tem apenas dois dias para concluir seu relatório, caso queira finalizar a investigação ainda este ano.

O recesso parlamentar na Câmara de Palmas está previsto para dia 13 deste mês. Segundo o presidente da CPI, o vereador Junior Geo (PROS), tudo vai depender se o relator, o vereador Marilon Barbosa (PSB) conseguirá concluir o relatório dentro deste curto espaço de tempo de dois dias. O relatório ainda precisa ser aprovado pelos membros da CPI.

“Nosso proposito inicial é concluir em dezembro, mas se não der faremos em janeiro”, diz o presidente da CPI.

Ainda de acordo com Junior Geo, foram ouvidas todas as testemunhas que eles conseguiram intimar. Vale destacar que uma das testemunhas mais aguardadas, para prestar informações não foi encontrada, Max Fleury, ex-presidente do instituto.

“O Max Fleury está sumido, já fomos atrás dele em Palmeirópolis e Paraíso, não sei quem está orientando ele, mas não quer dizer que ele vai se eximir da sua reponsabilidade. Ele pode não ser ouvido por nós, mas provavelmente vai ser ouvido pela Polícia Federal”, explica Geo.

Max era presidente quando as possíveis aplicações irregulares foram feitas, ele assinou a autorização de investimentos. A decisão de se esconder, só aumenta as suspeitas de conduta irregular do ex-gestor do fundo de previdência.  Junior Geo adiantou que algumas pessoas devem ser indiciadas e serão responsabilizadas pelos atos irregulares. O relatório após aprovado vai ser encaminhado para Polícia Federal, Ministério Público, Executivo Municipal.

Sua opinião é muito importante: