Rede de espionagem: Advogados são alvos de operação contra vazamento de informações judiciais

Divulgação

Está acontecendo na manhã desta terça-feira, 29, uma operação contra suspeitos de vazar informações de decisões e ordens judiciais. A Polícia Civil está cumprindo 15 mandados de busca e apreensão, e um advogado foi preso. Advogados e servidores do Fórum de Palmas são alvos da operação.

 Segundo a polícia, a suspeita é que uma rede de espionagem foi montada e os alvos de operações podem ter sido avisados sobre cumprimento de mandados. O advogado Leandro Freire foi detido no início da manhã.

Entre os mandados que estão sendo cumpridos, sete são na casa de advogados e outros quatro em escritórios de advocacia. Uma servidora do Fórum de Palmas é suspeita de disponibilizar senha do sistema utilizado pela Justiça do Tocantins, para que as informações fossem vazadas.

A operação é realizada pela Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Cibernéticos.

Sua opinião é muito importante: