Gurupi: Polícia prende jovem em flagrante por tráfico interestadual de drogas

Na madrugada desta segunda-feira (25), em Gurupi, Policiais Civis da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC), Núcleo Sul, efetuou  a prisão em flagrante por tráfico interestadual de drogas de Maurício Santos e Silva, de 23 anos. Durante a prisão, os policiais civis também apreenderam grande quantidade de substâncias drogas que estavam em seu poder.

De acordo com o delegado Rafael, a ação policial foi deflagrada em razão de investigações de combate ao narcotráfico, realizadas pela unidade, apontando que Maurício, residente em Goiânia – GO transportaria entorpecentes até Gurupi, onde seriam revendidos no período de carnaval.

Com base nas informações levantadas, os policiais civis efetuaram a abordagem do indivíduo quando ele desembarcou no Terminal Rodoviário de Gurupi nesta madrugada. Após revista em sua mala, foram encontrados 291 comprimidos de ecstasy, um frasco plástico contendo líquido semelhante à “loló” e 33 frascos plásticos vazios (geralmente utilizados para armazenar porções de droga).

Ainda segundo o delegado Rafael, a droga retirada de circulação está avaliada em mais de R$ 14.000,00 (quatorze mil reais). Logo após ser preso, Maurício foi conduzido até a Central de Atendimento da Polícia Civil (Plantão), em Gurupi, onde foi autuado em flagrante por tráfico interestadual de drogas. Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, o homem foi colocado à disposição do Poder Judiciário do Estado.

O delegado Rafael Falcão salienta que ações de repressão à criminalidade estão sendo intensificadas, sobretudo, nesse período que antecede o carnaval visando combater a entrada de entorpecentes em Gurupi e em todo o Estado do Tocantins. “Nossas equipes estão nas ruas investigando e levantando informações que nos possibilitem identificar e prender indivíduos que ainda insistem na prática dessa atividade criminosa que tanto mal causa, principalmente, aos adolescentes e jovens do nosso estado”, ressalta o delegado.

Sua opinião é muito importante: