Programa Bombeiro Mirim será expandido para estrutura onde funcionava Colégio Caic na região Sul de Palmas

Por meio do Protocolo de Intenções assinado na manhã desta terça-feira, 16, entre o Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBM) e a Secretaria da Educação, Juventude e Esportes do Tocantins (Seduc), o Programa Educacional Bombeiro Mirim (Proebom) será expandido para Palmas. Com a parceria firmada entre os órgãos, o programa funcionará no Centro de Atenção à Criança Girassol de Tempo Integral (Caic), no Aureny IV, uma das primeiras escolas de Palmas. A estrutura vai ser recuperada para uso dos Bombeiros já que o Colégio foi transferido para outro local em razão dos problemas estruturais.

No local, também será instalada a Academia de Formação de Bombeiro Militar (AFBM) e a 2ª Companhia de Bombeiros Militar, que atualmente funciona em Taquaralto.

Com a assinatura do Protocolo de intenções, o governador Mauro Carlesse ressaltou que a estrutura governamental será otimizada com a utilização dos espaços compartilhados. “Queremos utilizar espaços compartilhados para diminuir despesas e investirmos em capacitações de qualidade. Com isso, a nossa população estará agradecendo pela iniciativa”, frisou.

De acordo com o comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Tocantins, coronel Reginaldo Leandro da Silva, a previsão é que as atividades tenham início no segundo semestre desde ano. Para isso, os militares que já atuam no programa na unidade de Gurupi estão sendo capacitados para desenvolvê-lo em outras unidades. “Com a estrutura física que nos está sendo oferecida, estamos nos preparando para iniciar a tão sonhada expansão do Bombeiro Mirim. Temos uma oficina na unidade de Gurupi, que capacita os militares para desenvolver o programa em outras unidades. Daremos a nossa parcela de contribuição para o futuro das crianças, principalmente àquelas em situação de vulnerabilidade. Elas terão a oportunidade de sonhar com um futuro melhor, com mais acesso ao conhecimento e inclusão social”, afirmou.

Segundo ele, o Corpo de Bombeiros também receberá, em breve, a estrutura física de uma escola em Porto Nacional para executar o programa. “A nossa intenção é que todas as unidades das cidades do interior do Estado recebam o Bombeiro Mirim”, disse.

Para a secretária da Educação, Adriana Aguiar, a parceria firmada com o Corpo de Bombeiros Militar vai beneficiar os moradores da região sul de Palmas. “A parceria firmada com o Corpo de Bombeiros Militar vai favorecer a comunidade da região sul de Palmas, tanto no âmbito educacional quanto no social, levando em consideração a implantação de programas como o Bombeiro Mirim. É uma parceria que, efetivamente, beneficiará tanto a Educação quanto a corporação dos Bombeiros, ampliando a presença de serviços públicos essenciais nesta localidade”, disse.

Bombeiro Mirim

Destinado a crianças e adolescentes de 12 a 14 anos, o programa teve início na unidade de Gurupi. As atividades que compreendem o Bombeiro Mirim são: noções de primeiros socorros, noções de salvamento, educação física, ordem unida, noções de teoria de incêndio, prevenção a afogamentos, ética e cidadania, higiene pessoal, aulas de música, educação ambiental, educação no trânsito, prevenção no combate ao uso de drogas, noções de informática, reforço acadêmico, palestras, filmes e atividades culturais.

Sua opinião é muito importante: