Prefeito que foi contra fechamento agora questiona liberação da ponte de Porto

Equipe Gazeta do Cerrado

O prefeito de Porto Nacional, Joaquim Maia reagiu à liberação da ponte cidade para veículos pequenos nesta segunda-feira, 17. Ele criticou e fez vários questionamentos.

“A Ponte de Porto Nacional é liberada sem reforma estrutural, sem laudo técnico e sem garantia alguma! A população portuense espera respostas!”, disse.

“Por qual razão a população de Porto foi severamente punida pelo fechamento da Ponte?”, questionou em vídeo publicado nas suas redes. Ele chegou a insinuar que a interdição seria para atingí-lo politicamente e questionou se há segurança na liberação. Ele disse ainda que nenhum reparo foi feito na parte de baixo, segundo o gestor.

Ele publicou um vídeo no Facebook questionando o governo sobre o assunto.

Joaquim Maia participou de vários protestos e sempre apontou que a cidade ficou prejudicada com a interdição da ponte além dos moradores do outro lado do rio que foram impactados.

Ao liberar a ponte, o governador disse que em breve vai começar o canteiro de obras para a nova Ponte.

 

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado24 horas por dia:
Twitter - Gazeta do CerradoTwitter: (@Gazetadocerrado): https://twitter.com/Gazetadocerrado?s=09
YouTube - Gazeta do CerradoYouTube vídeo reportagens e transmissões 🔴 AO VIVO🔴: https://www.youtube.com/c/GazetadoCerrado-TVG
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais (63) 981-159-796

Sua opinião é muito importante: