Assaí Atacadista diz que conferência de notas fiscais é prática comum

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 16/03/2020

Última atualização em 16/03/2020 17:42

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Procon ressalta que prática é ilegal e deve ser suspensa imediatamente

Lucas Eurilio – Gazeta do Cerrado

Os direitos dos consumidores é um marco na conquista do país, mas eles são sempre cumpridos? Por que muitos estabelecimentos deixam de seguir as leis? Quando notificados, tentam se readequar, certo? Errado!

Foi o que aconteceu no Assaí Atacadista durante o final de semana. Mesmo sendo notificado pelo Procon – TO, o supermercado que teve sua reinauguração após deixar a Capital continua a prática ilegal de conferência de mercadorias.

Um internauta relatou à Gazeta do Cerrado que o constrangimento continua.

“Tô acabando de sair aqui do Assaí e eles continuam fazendo a conferência nas mercadorias na hora da saída”, disse à Gazeta.

A situação acontece após o pagamento ser efetuado nos caixas e quando os consumidores estão saindo do estabelecimento. A prática constrange o cliente e os supermercados parecem não ligar para o que diz o Procon.

“Solicitamos que esta prática seja suspensa imediatamente. O Código de Defesa do Consumidor é claro. Ninguém deve ser exposto a nenhum tipo de constrangimento pelo fornecedor”, disse o órgão.

Foram autuados por essa prática não apenas o Assaí, mas também o Makro e o Atacadão. Após denúncias de consumidores, o órgão entrou em ação e alegou que a conferência pode sim ser feita, mas ainda no caixa.

“A conferência pode ser realizada já no caixa, assim como o vídeo-monitoramento e até mesmo o uso de alarme nas portas de saída, caso alguém deixe de pagar deixe de pagar algum produto”.

Além disso, o órgão ressaltou ainda que depois que o consumidor faz o pagamento, os produtos já não pertencem mais ao fornecedor, no caso, os supermercados.

Como denunciar?

O gerente de fiscalização, Magno Silva, orienta o consumidor a denunciar. Para formalizar a reclamação, o consumidor deve procurar um dos 11 núcleos de atendimento do órgão.

 “Ao perceber qualquer irregularidade, o consumidor deve fazer a denúncia junto ao Procon  Tocantins por meio do  Disque 151, ou pelo WhatsApp Denúncia no (63) 99216-6840”, afirmou Silva. 

O outro lado

O Assaí Atacadista enviou nota na qual diz que a conferência das notas fiscais dos clientes na saída das lojas é uma prática comum no segmento de atacado de autosserviço. Disse ainda que que essa atividade é feita sempre de maneira indistinta e educada.

Veja íntegra da nota

Nota à imprensa

A rede informa que a conferência das notas fiscais dos clientes na saída das lojas é uma prática comum no segmento de atacado de autosserviço e uma atividade legítima reconhecida pelo Superior Tribunal de Justiça. Além de ser uma medida de segurança, a conferência é uma garantia para o cliente de que o registro dos produtos adquiridos foi realizado de forma correta no caixa. A empresa reforça que essa atividade é feita sempre de maneira indistinta e educada, não devendo causar qualquer tipo de constrangimento aos consumidores.

Matéria atualizada às 17h29.

#SóNaGazeta
#DireitosDoConsumidor
#ProconTocantins
#AssaíAtacadista

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Marketing: Ana Negreiros

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]