Governador do Mato Grosso afirma que decretará calamidade financeira nesta quinta-feira

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 17/01/2019

Última atualização em 26/08/2019 10:46

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

O governador do Mato Grosso, Mauro Mendes, disse na quarta-feira, 16, que pretende decretar nesta quinta-feira, 17, estado de calamidade financeira. Ele esteve com o ministro da Economia, Paulo Guedes, pedindo a liberação de recursos do Fundo de Apoio às Exportações (FEX). Segundo o governador, seriam aproximadamente R$ 500 milhões para o Estado garantir sua “sobrevivência” nos próximos meses.

“A liberação do FEX nesse momento seria um canudinho para que possamos não morrer afogados”, disse Mendes. Segundo ele, Guedes ficou de estudar a possibilidade de fazer a liberação aos Estados, o que depende de espaço no Orçamento e no teto de gastos. O último repasse ocorreu no fim de 2017, no valor de R$ 1,9 bilhão.

Mato Grosso está com o pagamento dos salários de servidores de dezembro e do 13º atrasados. Segundo o governador, metade das viaturas policiais saíram de circulação no último mês por falta de recursos para manter o serviço. “É o colapso do serviço público”, disse.

Mendes reconheceu que o Estado precisará adotar medidas duras, mas disse que algumas delas já foram propostas à Assembleia Legislativa, como a elevação da alíquota previdenciária de servidores de 11% para 14%. O governo estadual também tem planos de tributar o agronegócio.

Segundo ele, as gestões anteriores promoveram um “aumento irresponsável de despesas do Executivo”, que extrapolaram o crescimento da arrecadação. Agora, disse o governador, será preciso traçar um plano para reduzir despesas e ampliar as receitas do Estado.

Além disso, Mendes destacou que vai trabalhar pela aprovação da reforma da Previdência. “Não dá para ficar protelando”, afirmou. Segundo ele, Mato Grosso deve ter um déficit de R$ 1,6 bilhão só na Previdência.

 

 

Fonte: UOL

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]