Idosos participam do 1º Torneio de Vôlei Adaptado em Palmas

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 16/12/2019

Última atualização em 16/12/2019 14:02

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Trinta e seis atletas participaram na manhã desta segunda-feira, 16, do 1º  Torneio de Voleibol Adaptado da Terceira Idade de Palmas, na quadra poliesportiva do Parque Municipal da Pessoa Idosa. O evento é uma iniciativa da Fundação Municipal de Esportes e Lazer (Fundesportes), em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedes).

O Torneio de Voleibol adaptado da Terceira Idade de Palmas nasceu por meio do projeto VóVôlei, uma atividade esportiva que o Parque da Pessoa Idosa Francisco Xavier de Oliveira oferece aos seus frequentadores e surgiu com a  intenção de oferecer aos idosos usuários do parque uma modalidade esportiva coletiva

O voleibol adaptado da terceira idade segue as mesmas regras do voleibol  oficial com algumas adaptações. No saque não é obrigatório que a bola seja golpeada e sim lançada pelo jogador e a bola pode ser segurada ao invés de ser tocada pelos atletas.

Os benefícios trazidos por essa modalidade são inúmeros. Além de tirar os idosos do sedentarismo, o vôlei adaptado evita doenças, previne a hipertensão e ajuda na perda de peso. O trabalho em grupo ajuda na socialização dos participantes, promove a autonomia e independência dos idosos, gerando autoestima, autoconfiança, força, mobilidade, agilidade, equilíbrio e poder de decisão. A atividade também auxilia na coordenação motora e na concentração dos jogadores.

Durante a competição, seis equipes mistas formadas por homens e mulheres com idades entre 60 e 84 anos se divertiram dando exemplo de boa esportividade. O jogo foi bastante disputado com três jogos com set único de 15 pontos em confrontos diretos entre as seis equipes.

A dona Venecy Tereza dos Santos, que aos seus 71 anos de idade fez belas jogadas de saque, comemorou a vitoria do time. “Eu fiz os últimos saques e ainda saímos vitoriosos, amei de coração”, disse.

Aos 62 anos de idade, Joviano Aparecido de Almeida acredita que o esporte faz com que haja uma maior interatividade entre as pessoas idosas. “Apesar de não ganharmos a partida, sinto-me bem, pois o que vale é a participação e a amizade que fazemos aqui”, disse.

Do lado de fora da quadra, dona Neli Wieczoarek, de 72 anos de idade, fazia a animação na torcida. Ela vibrava com cada lance e jogada, e incentivava o grupo, mesmo não podendo jogar, pois estava com uma contusão no dedo mindinho. “Só de estar aqui me faz sentir renovada, leve, e com uma alegria imensa que levo para dentro da minha casa para meus filhos e netos”, disse.

Para a gerente do Parque da Pessoa Idosa, Silvanete Mota, a competição esportiva entre os idosos traz melhor qualidade de vida. “É gratificante ver o desempenho de nossos idosos no esporte o que lhes traz uma melhor qualidade de vida, pois o esporte transforma a vida dessas pessoas”, disse. 

A atleta Zilda Maria Curi achou o saque (acerto usado para colocar a bola em jogo) mais difícil, porém pegou muitas bolas. “O jogo foi ótimo e ainda peguei muitas bolas do time adversário”, completou.

Para o educador físico do Parque Municipal da Pessoa Idosa de Palmas, Allan Dutra, o 1º Torneio de Voleibol Adaptado da Terceira Idade de Palmas deve ser difundido em todo o Estado para que haja mais equipes nos próximos torneios. “Estamos evoluindo no esporte e vamos trabalhar para que mais pessoas idosas participem do nosso Torneio de Voleibol adaptado da Terceira Idade”, disse.

No final da partida todos os atletas receberam medalhas de participação do 1º Torneio de Voleibol Adaptado da Terceira Idade de Palmas.

Fonte: Secom Palmas

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Marketing: Ana Negreiros

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]