Inspiradora e corajosa: Elza Soares lança “Planeta Fome”, seu novo álbum

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 13/09/2019

Última atualização em 13/09/2019 13:55

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

“Planeta Fome” (Deck), novo álbum de Elza Soares, já está disponível nos aplicativos de música. Elza escolheu minuciosamente o repertório, selecionando o que queria cantar, o que faria sentido nesse tempo de hoje. São 12 faixas, entre inéditas e regravações, incluindo uma composição própria, a primeira vez que grava uma música sua. O disco foi gravado no Estúdio Tambor (Rio de Janeiro), com produção de Rafael Ramos e participações de BaianaSystem, Orkestra Rumpilezz, Virginia Rodrigues, BNegão, Pedro Loureiro e Rafael Mike.

Planeta Fome

Pra falar sobre qualquer coisa relacionada a Elza é preciso ser superlativo. Porque Elza é superlativa. Dito isso, qualquer elogio a ela é pouco para o tanto que ela trouxe, traz e trará para a música e cultura brasileira. A cada trabalho Elza joga luz em assuntos da nossa atualidade e, assim, ferve a sociedade por meio de sua voz potente e de suas escolhas que sempre surpreendem.

E não é diferente nesse trabalho. A primeira pergunta que me fiz foi: ‘por que Planeta Fome?‘ se sua própria experiência com a fome é uma história não somente contada por ela, mas a representação preferida de seus biógrafos ao lembrar de sua primeira aparição e posicionamento diante do público? Por que voltar, agora, a este momento como título do disco?

Novo álbum de Elza Soares já está disponível

Com isto em mente comecei a escutar suas novas músicas. E já na primeira recebi uma pista: a sua fome de reinvenção e manter-se relevante continua e ela segue cantando todas as suas indignações e fazendo com que sua música seja um eterno grito em que sua voz rouca vai encantando e dizendo ao Brasil: “Tome mais, eu tenho sempre mais pra te dar”.

Depois de Deus é Mulher, a grande questão seria se Elza conseguiria um sucessor de impacto tão grande. Bem, esse tem e e ele tira o fôlego da gente. Ao escolher cantar o hoje e as indignações de hoje, ela conseguiu de novo.

Elza subverte a lógica de que existe um caminho seguro para o artista, dialoga com a música de hoje e, ao mesmo tempo, mantém toda a potência de sua história – cada participação é uma escolha consciente sobre com quem ela quer seguir de mãos dadas: tem Virgínia Rodrigues, Russo Passapusso e seus versos desconcertantes, a composição e voz de Rafael Mike em uma música que revisita a obra de Elza e traz um novo sentido para a dita “carne mais barata”. E ainda tem B Negão, orquestra Rumpilez e Pedro Loureiro mostrando que Elza sabe muito bem o que faz.

Entre agogôs e guitarras, Elza vai cantando tudo o que deseja e tudo o que tem fome. Fome de amor, de justiça, de força. E assim ela faz mais uma obra-prima sobre a atualidade – o que tem sido sua grande meta – objetivo conquistado com maestria.

E dessa forma o álbum segue deixando a gente surpreso a cada faixa que, em conjunto, completa uma viagem sobre o Brasil de agora ou talvez de ontem e que ela canta para que tenhamos um outro amanhã… Um disco pra ser escutado muitas vezes. Só faltou dizer algo que é evidente: corajosa e inspiradora. Não disse que era impossível não ser superlativo?

>> Ouça o álbum:

https://ElzaSoares.lnk.to/PlanetaFomePR

Fonte: Assessoria Deck

______________________________________________________________________________

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado24 horas por dia:

Instagram - Gazeta do Cerrado

Instagram: https://www.instagram.com/gazetadocerrado/

Twitter - Gazeta do Cerrado

Twitter: (@Gazetadocerrado): https://twitter.com/Gazetadocerrado?s=09

Facebook - Jornal Gazeta do Cerrado

Facebook: https://www.facebook.com/gazetadocerrado.com.br  

YouTube - Gazeta do Cerrado

YouTube vídeo reportagens e transmissões 🔴 AO VIVO🔴: https://www.youtube.com/c/GazetadoCerrado-TVG Grupo do WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/DdY063ahwDvH7s5ufstyPE     Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.   Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319   Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais (63) 981-159-796  

Gazetadocerrado.com.br – Para mentes pensantes

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]ocerrado.com.br

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]