No Norte: Operação apreende maconha enterrada em quintal de casa

Por Gazeta do Cerrado | 15/09/2020

Última atualização em 15/09/2020 13:55

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Mais 2,6 quilos de maconha foram tirados de circulação durante operação deflagrada pela Polícia Civil do Tocantins na noite desta segunda-feira, 14, em Araguaína.  A ação foi realizada pela 2ª Divisão de Repressão a Narcóticos (2ª Denarc), unidade vinculada à Diretoria de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco). Conforme o delegado-chefe da 2ª Denarc, José Anchieta de Menezes Filho, a ação foi um desdobramento da operação realizada pela manhã, quando um foi preso um homem, que é considerado um dos maiores traficantes da cidade.

Conforme o delegado Anchieta, depois da operação deflagrada pela manhã, quando foi desarticulada uma associação criminosa responsável por comercializar uma grande quantidade de entorpecente que era trazido do Estado do Mato Grosso, as equipes da Denarc obtiveram a informação de que, além dos 8 kg de drogas já apreendidos, havia mais entorpecente enterrado no quintal da residência de uma das mulheres presa mais cedo.

“Já estávamos encerrando a operação, quando, por meio de nosso setor de inteligência, levantamos a informação de que de havia mais drogas na casa de uma das suspeitas presas e que o entorpecente poderia estar enterrado no quintal da residência. Desse modo, fomos até o local, e após minuciosas buscas, localizamos e apreendemos mais três barras inteiriças de maconha, perfazendo um total de 2.6k kg da droga”, disse a autoridade policial.

Diante dos fatos, o entorpecente foi retirado e levado para a unidade antidrogas. As ações serão intensificadas para apurar se existem mais suspeitos de integrar a associação criminosa que distribuía drogas por toda a cidade de Araguaína.

Operação antidrogas

A ação da Denarc, nesta segunda-feira, resultou na prisão de três pessoas suspeitas de integrar uma facção criminosa que age em vários estados do Brasil, e também no Tocantins, e na apreensão de mais de 10 kg de drogas, bem como quase R$ 7 mil em dinheiro proveniente da venda de entorpecente.  Um dos alvos da operação era um homem de 37 anos apontado como um dos maiores traficantes da região norte do Estado e que movimentava grandes quantidades de drogas todos os meses e acabou sendo preso pela Denarc durante a operação desta segunda-feira.

Fonte: Ascom SSP-TO
Foto:  2ª DENARC

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
majucotrim@gazetadocerrado.com.br

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
marcojacob@gazetadocerrado.com.br

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
portal@gazetadocerrado.com.br

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
comercial@gazetadocerrado.com.br

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
marcojacob@gazetadocerrado.com.br