Novembro Azul: Câncer de próstata tem 90% de chances de cura quando descoberto no início

Por Gazeta do Cerrado | 12/11/2020

Última atualização em 12/11/2020 08:46

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Novembro Azul – Foto: Portal da Cidade Louveira

O câncer de próstata é o segundo mais incidente em homens no Brasil e no mundo, perdendo apenas para o câncer de pele do tipo não melanoma. Quando diagnosticada precocemente, a doença tem 90% de chances de cura, só que a boa notícia esbarra no comportamento masculino de só ir ao médico quando já está sentindo dor.

A campanha do Novembro Azul busca justamente conscientizar a população masculina sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata. “O principal objetivo desse tipo de movimento é levar informação para o paciente e despertar nele a necessidade de fazer exames preventivos, procurar o médico regularmente, então a informação é o primeiro passo para a prevenção”, enfatizou Dr. Macilon Nonato, oncologista clínico na Clínica Acreditar Tocantins

Sinais e Sintomas

O câncer de próstata é uma doença silenciosa, são muitos os pacientes que não apresentam qualquer sintoma ou, quando apresentam, são os mesmos de um crescimento benigno da próstata: Dificuldade para urinar, necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite, diminuição do jato de urina e dor na pelve.

Em estágio avançado, a doença pode provocar sintomas urinários, sangue na urina, dor óssea, insuficiência renal, infecção generalizada e/ou perda de peso inexplicada.

“Há tipos de tumores que para crescer cerca de um centímetro, pode demorar até 15 anos, também há tipos que são mais agressivos, com crescimento mais rápido e, consequentemente, com uma maior chance de se espalhar para outros órgãos”, explicou o especialista.

Você, homem, cuide-se!

A combinação de dois exames pode identificar o câncer de próstata: A Dosagem de PSA para avaliar a quantidade do antígeno prostático específico, e o Toque Retal para que o médico verifique a presença de nódulos ou tecidos endurecidos na próstata.

“A recomendação é o que homem faça os dois exames anualmente a partir dos 50 anos, a recomendação cai para 40 quando há casos de câncer na família”, enfatizou o médico.

A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen, logo abaixo da bexiga e bem à frente do reto.

Conheça os fatores de risco

Idade avançada: o risco aumenta com a idade. Segundo o Ministério da Saúde, a cada dez homens diagnosticados com a doença, nove tem mais de 55 anos.

Histórico familiar: homens que o pai, irmãos ou avô tiveram câncer de próstata antes dos 60 anos, têm risco de desenvolver a doença.

Sobrepeso ou obesidade: o risco de câncer aumenta em homens com peso corporal mais elevado.

Tabagismo e Alcoolismo.

Afrodescendência: A incidência do câncer de próstata é duas a três vezes maior em homens negros quando comparada com a de homens brancos.

Tratamento

De acordo com o Dr. Macilon, cada caso é um caso, o paciente é avaliado de forma individual e, a depender da situação clínica e das alterações nos exames, é escolhido quais intervenções serão realizadas.

“Pode ser feito o procedimento cirúrgico para retirada do tumor, o uso da Radioterapia, da Hormônio Terapia onde os hormônios masculinos são bloqueados para reduzir os níveis de PSA e, em alguns casos, a Quimioterapia”, finalizou.

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
majucotrim@gazetadocerrado.com.br

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
marcojacob@gazetadocerrado.com.br

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
portal@gazetadocerrado.com.br

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
comercial@gazetadocerrado.com.br

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
marcojacob@gazetadocerrado.com.br