Redução da gasolina foi bem abaixo do esperado

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 31/03/2020

Última atualização em 31/03/2020 11:52

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Petrobras acumulou 40% de redução do preço dos combustíveis nas refinarias em 2020

Moradores de Palmas praticamente nem sentem a queda nos preços dos combustíveis esperada, que deveria ser de pelo menos 40% do que já foi reduzido pela Petrobras somente este ano de 2020. A mudança ocorreu, porem foi bem diferente da redução do preço do barril de petróleo no mercado internacional por causa da pandemia do novo coronavírus. Em alguns postos, da região sul da cidade, a queda chega a R$ 0,30 por litro.

Redução da Petrobras:

Se fosse aplicar a redução do preço que a Petrobras já repassou só neste ano de 2020, que acumulam 40% a menos, a gasolina que:

CUSTA R$ 4,80 – DEVERIA ESTAR CUSTANDO R$ 2,88 (40% A MENOS, R$ 1,92)

O Governo Federal atrelou o valor dos combustíveis ao preço do barril do Petróleo internacional, mesmo tendo a auto suficiência tanto de produção como de refino dos combustíveis. No ano de 2019, toda a oscilação e aumento do valor do Petróleo, era imediatamente repassada ao consumidor final.

Hábito que se repete pelo país inteiro. O que garante mais lucro aos postos, que podem revender o estoque ao um preço mais alto que pagaram, e em consequência, prejuízo aos consumidores, que tem seu poder aquisitivo cada vez mais reduzido.

Leia mais sobre o assunto – A partir de hoje: Preço da gasolina e diesel são reduzidos nas refinarias

Isso ocorre porque a matéria prima do combustível, o petróleo, está com a menor cotação em 18 anos. A redução do barril e também a queda na demanda, por causa das medidas de isolamento social, puxaram os preços para baixo em todo o país e também em várias partes do mundo.

“Ele já chegou a bater em níveis históricos de US$ 100, US$ 105. Hoje ele está sendo comercializado a US$ 25. É importante frisar que quem faz isso tudo, quem repassa é a Petrobras. Então se ela repassa para os postos, por consequência a cadeia acaba repassando e aí o consumidor acaba sentindo aqui na bomba”, explica o presidente do Sindipostos, Wilber Silvano.

Redução do Barril de Petróleo:

O fato inusitado é que a Petrobras já reduziu 40% só este ano. Só falta o sindicato orientar os donos de postos a aplicar a redução real do que foi repassado, que foi de 40% e não os 6,25% aplicados. Isso que a Petrobrás esta segurando a redução real de 75%, que já deveria ter sido repassada as distribuidoras e aos postos consecutivamente.

Se fosse aplicar a redução do valor do barril de petróleo, que é a matéria prima, já que ele desvalorizou 75% se a gasolina:

CUSTA R$ 4,80 – DEVERIA ESTAR CUSTANDO R$ 1,20 (75% A MENOS, R$ 3,60)

Mesmo quem aproveitou a oportunidade para encher o tanque, disse que não vai poder usar o carro tanto quando usaria normalmente, já que com as medidas de isolamento vários serviços estão suspensos. “Enche o tanque aqui e fica com o carro paradão, mas e tá rendendo bem mais agora”, comenta o empresário Danilo Resplandes.

Bem Danilo, poderia estar rendendo bem mais.

Veja também – Postos de combustíveis têm 48 horas para explicar porque ainda não reduziram preços no Tocantins

Fonte G1.

Edição e complementação: Marco Aurélio Jacob

#SóNaGazeta
#PreçoDoCombustível
#Coronavírus

#BarrilDePetrolio

#Petrobrás

#Sindiposto

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Marketing: Ana Negreiros

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]