No Banner to display

Caixa libera saque do FGTS para quem for demitido por ‘força maior’

Por Luciane Santana | 09/05/2020

Última atualização em 09/05/2020 11:22

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

A Caixa Econômica passou a permitir o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores demitidos por motivo de ‘força maior’. O banco vai dispensar a apresentação de decisão judicial que costuma ser exigida para comprovar a causa da demissão.

Até então, o dinheiro do fundo ficava bloqueado para quem estivesse nesta situação. A partir da nova orientação, o trabalhador já não precisa mais acionar a Justiça para receber o benefício. As empresas, no entanto, ainda precisam protocolar a causa demissional no Judiciário.

Leia também: Especialista orienta sobre como famílias podem economizar neste período de pandemia

Normalmente, empresas listam essa causa de demissão quando enfrentam sérios problemas financeiros e fecham. Assim, elas conseguem redução da multa de rescisão de 40% para 20% dos valores depositados no fundo. Diante da crise da pandemia do novo coronavírus, a situação pode se tornar mais comum.

A Caixa também liberou o saque para empregados dispensados por culpa recíproca, que é quando tanto empregado como empregador se prejudicam mutuamente e encerram o contrato.

Leia também: Especialista orienta sobre como lidar com a demissão

Lembrando que funcionários demitidos por justa causa não têm direito a sacar o dinheiro do FGTS, tampouco recebem a multa rescisória de 40%

Quanto posso sacar?

Quem optou pelo saque-aniversário, nova modalidade para acesso ao dinheiro do FGTS, só poderá sacar os 40% da multa rescisória. Esses trabalhadores vão receber uma porção do saldo todos os anos no período do seu mês de nascimento.

Aqueles que permaneceram na opção do saque tradicional, chamado agora de saque-rescisão, têm direito a sacar todo o saldo do fundo logo após a demissão, além dos 40% de multa.

Saiba mais:

Como solicitar o saque do FGTS?

O trabalhador deverá os canais digitais do FGTS, por site ou aplicativo, e pedir o saque da quantia devida.

Ao realizar a solicitação, é importante fornecer os dados bancários para depósito do dinheiro do fundo.

Fonte: Site Valor Investe

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]