Decoração Minimalista: O que é e como aplicar na sua casa

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 06/06/2019

Última atualização em 26/08/2019 14:29

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Alguns móveis indispensáveis, aquela obra de arte essencial e elementos decorativos que sejam ao mesmo tempo funcionais — esta descrição sintetiza de maneira prática o conceito de minimalismo. Na teoria, vale a máxima do “menos é mais”, já que a ideia da decoração minimalista é ter menos coisas, porém mais bonitas e de maior qualidade.

Isso não significa que você precise investir em móveis luxuosos e objetos caros. Equilibrar quantidade e qualidade tem muito mais a ver com o seu estilo de vida, com a compreensão daquilo que realmente é necessário na residência e que facilita a sua rotina doméstica.

Para que você encontre esse equilíbrio sem abrir mão da beleza e da uniformidade dos ambientes, preparamos este post, que explica o minimalismo e traz as melhores dicas de como aplicá-lo em casa. Impossível não se inspirar!

O QUE É DECORAÇÃO MINIMALISTA?

Esse conceito surgiu na arquitetura ainda no século XX, embora esteja se consagrando no século XXI. Com um ritmo de vida cada vez mais agitado, as pessoas passaram a enxergar o próprio lar como um refúgio para o corpo e a mente.

Assim, chegar em casa e se deparar com aquele excesso de itens decorativos já não faz mais sentido porque compromete justamente a sensação de relaxamento que tanto se busca.

Dessa forma, o minimalismo se consagrou como alternativa prática para esse dilema. Afinal, mantendo o local livre de excessos, bem organizado e decorado de forma sutil, o ambiente fica sensorialmente mais espaçoso e iluminado, favorecendo uma paz de espírito sem igual.

COMO APLICÁ-LA EM CASA?

Uma casa minimalista é um ambiente menos estressante e mais funcional para o seu dia a dia. O raciocínio é simples: ter menos coisas significa menos trabalho com a limpeza doméstica e mais praticidade para a rotina. Você deve estar se perguntando como conseguir esse efeito sem deixar o lar monótono e sem vida, não é mesmo? Eis as respostas:

MANTENHA APENAS O ESSENCIAL

Resultado de imagem para decoraçao minimalista poucos moveis no ambiente e pouca peça decorativa, neutras.

Essa é a regra básica desse tipo de decoração. Em um décor minimalista, todos os elementos devem ter um propósito para estar ali. Para que oito cadeiras se você só utiliza quatro? Para que um roupeiro tão grande se várias gavetas estão inutilizadas? Para que tantos objetos aleatórios acumulando pó sobre as prateleiras?

Se você se fizer essas perguntas, com certeza começará a entender a essência do minimalismo, de modo que adaptar a sua casa a esse conceito se tornará um caminho natural. Aproveite o momento para se livrar daquelas coisas que não agregam mais e que talvez possam ser úteis a outras pessoas.

Passe um pente fino em cada cômodo do lar e vá retirando os excessos, mantendo ali somente o mobiliário e as peças decorativas que você considera indispensáveis. Feito isso, poderá reorganizá-las ao seu gosto.

PRIORIZE CORES CLARAS E TONS PASTÉIS

Se você já estava cansado daquela parede colorida e vem começando a investir na decoração minimalista, é o momento certo para renovar a pintura. Priorize as cores claras (branco e gelo) e os tons pastéis (bege, nude, palha).

Resultado de imagem para decoraçao minimalista

Lembre que a cor escolhida para as paredes precisa dialogar com o restante do décor. Então, por mais que sejam poucas peças, cuide para que elas também reflitam as nuances do ambiente.

COMECE PELO MOBILIÁRIO

Sem dúvida, o mobiliário é o que mais sobrecarrega o olhar dentro de uma casa, por menores que sejam as peças. Por isso, quanto menos itens você puder ter, melhor! Reflita com cuidado sobre o que realmente pode ser eliminado, abrindo espaço para móveis que sejam de fato confortáveis, práticos e bonitos.

Resultado de imagem para decoraçao minimalista

Se não quiser abrir mão daquela poltrona que é uma relíquia de família, tudo bem. Também faz parte do conceito minimalista manter aquelas coisas que são importantes de verdade para nós. Mas, nesse caso, pense com carinho se não vale a pena reformar a peça para que, além das boas lembranças, ela traga também funcionalidade e beleza para o ambiente.

CONCENTRE-SE EM UM CÔMODO DE CADA VEZ

Se a ideia é tornar a casa menos exaustiva aos nossos olhos, devemos ir devagar para não cansarmos o corpo também, certo? Isso vai ajudar a apreender o conceito de minimalismo aos poucos, melhorando a composição a cada novo cômodo.

Sem falar que, na maioria das vezes, não temos muito tempo para nos dedicar somente à casa, não é mesmo? E aí o segredo está em ir aos poucos, mas sempre em frente.

Na configuração do quarto, nada mais importante do que uma cama, um roupeiro e uma mesa de cabeceira. Todo o resto é exagero. Um cantinho de home-office também é permitido, desde que a residência não tenha um cômodo específico para isso.

Resultado de imagem para quarto com home office

Na cozinha, mantenha apenas os eletrodomésticos e utensílios básicos. Assim, você não sobrecarrega os armários e ainda facilita o processo na hora de procurar aquele item específico.

Imagem relacionada

DEIXE O CHÃO LIVRE

Em um décor minimalista, se os pisos forem claros, melhor ainda, já que por si só contribuem para a sensação de leveza e amplitude. Porém, independentemente do piso, uma coisa é certa: o chão deve ficar o mais livre possível. Assim, cria-se um efeito de ambiente mais limpo e iluminado, além de favorecer a circulação.

Imagem relacionada

Portanto, pense bem no que você vai posicionar no chão. A regra básica é que os móveis não podem comprometer a passagem, assim como vasos, luminárias ou demais objetos decorativos — os quais, como vimos, devem ser comedidos. Jamais empilhe coisas sobre o piso, como sapatos, roupas, livros etc.

EQUILIBRE AS PEÇAS DECORATIVAS

Além de guardar os seus pertences de forma inteligente, procure equilibrar aquilo que ficará à mostra, como as peças de decoração. Para acertar nessa tarefa, basta se perguntar: por que devo expor tal objeto no meu décor?

Imagem relacionada

Pode ser uma relíquia de família, alguns livros preferidos, aquela obra de arte que faz todo sentido para você. Enfim, desde que os objetos estejam em perfeito estado e que funcionem como um refúgio para os seus olhos, eles poderão ser expostos.

De resto, deve-se evitar o excesso de bugigangas e itens desnecessários em cima de mesas, prateleiras, aparadores etc. Lembre-se: muito mais vale um arranjo bonito e bem trabalhado do que milhares de peças aleatórias que, além de não harmonizarem com a decoração, ainda dificultam a limpeza doméstica.

Após compreender o conceito da decoração minimalista e aplicá-lo em sua casa a partir destas dicas, o próximo passo é abrir as portas e deleitar-se na atmosfera leve e convidativa do novo recinto.

Depois disso, até os seus hábitos de consumo se tornarão mais conscientes. Você passará a filtrar cada coisa que entra na sua casa, fazendo dela o melhor lugar do mundo.

fonte: blog Cristiano Casa e Construção

 

Gazetadocerrado.com.br – Para mentes pensantes

 

 

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

AgroPalmas
ASSECAD NOVO 11/02/2019
SINTET
ATM a partir do dia 17/04/2019
BRK-06-06-2019

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]