“Divergência ideológica neste momento só atrapalha”, diz Wanderlei após reunião com governadores sobre Covid 19

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 25/03/2020

Última atualização em 25/03/2020 21:00

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

O vice-governador do Estado do Tocantins, Wanderlei Barbosa, participou na tarde desta quarta-feira, 25, de uma videoconferência com governadores de todo o Brasil. A reunião virtual teve como tema Salvar Vidas e foi presidida pelo governador do Estado de São Paulo, João Dória, e contou com a participação do presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia.

O objetivo foi discutir e trocar experiências acerca das ações de cada estado para conter a propagação do novo Coronavírus, bem como, as medidas para evitar o colapso da economia e, automaticamente, preservar empregos e a renda dos trabalhadores.

O Vice-Governador tocantinense defendeu a aprovação da pauta de matérias encaminhadas nesta semana pelos governadores ao presidente da Câmara Rodrigo Maia, como um grande socorro para todos os estados, por meio da aprovação do Plano Mansueto e outras proposituras. O Plano permite que estados e municípios endividados acessem empréstimos com garantias da União desde que promovam ajuste fiscal. Wanderley também sustentou que o Tocantins está fazendo um grande esforço para evitar a disseminação da doença no Estado.

“É importantíssimo isso. O governador Mauro Carlesse e sua equipe estão fazendo todo o esforço para manter o Tocantins sem a proliferação do vírus. Nenhuma divergência ideológica neste momento ajuda, só atrapalha. Temos que manter a serenidade e a paz para fazer com que o Tocantins e o Brasil estejam livres desse vírus o mais rápido possível”, enfatizou Wanderlei Barbosa lembrando que é necessário um plano estratégico até para promover o retorno das pessoas aos seus postos de trabalho.

Entre as propostas do documento formulado durante a reunião virtual, os governadores defenderam ainda a redução da meta de superávit primário do governo federal para evitar ameaça de contingenciamento, momento em que o Sistema único de Saúde (SUS) mais necessita de recursos; pronta aplicação da Lei 10.835, que institui a renda básica de cidadania, afim de propiciar recursos destinados a amparar a população economicamente vulnerável.

Também ficou decidido que os governadores vão continuar a se reunir à distância regularmente, pelo modelo de videoconferência, como preconizam as recomendações médicas internacionais, com o objetivo de uniformizar metas para promover ações consorciadas para agir em torno do tema coronavírus.

Acompanharam o vice-governador Wanderlei Barbosa na videoconferência os secretários de Estado da Comunicação, Élcio Mendes; da Fazenda e Planejamento, Sandro Armando; e da Casa Civil, Rolf Vidal.

Crédito das fotos: Esequias Araújo/Governo do Tocantins

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]