Gazeta do Cerrado é o primeiro site com inclusão e acessibilidade no TO

Por Gazeta do Cerrado | 14/07/2020

Última atualização em 30/07/2020 18:22

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Agora você pode ouvir todas as notícias da Gazeta do Cerrado

Ser acessível a todos tem sido uma premissa para a Gazeta do Cerrado. Desde sua criação, o site adotou a causa das minorias e buscou integrar todos em uma só comunidade. Agora, mais um passo importante está sendo dado na história da comunicação tocantinense tornando-se o primeiro site com acessibilidade para auxiliar a pessoas com deficiência visual ou dificuldade de leitura a conhecer todo nosso conteúdo do portal. A partir de hoje, a Gazeta do Cerrado inseriu em seu portal uma nova ferramenta tecnológica de inclusão social por meio de áudio.

O software que converte textos em áudio oferece ao usuário a possibilidade de ouvir as notícias. Ativando um player que aparece na parte superior do texto, a ferramenta lê a matéria com voz humanizada criada através de inteligência artificial.

Aretha Fernandes, especialista em comunicação acessível, explica:

“É extremamente importante que os meios de comunicação tornem a informação acessível a todos, muito além do jornalismo convencional que estamos acostumados. Afinal, a desinformação é um tipo de violência contra as pessoas”.

É exatamente isso que motiva a editora-chefe da Gazeta do Cerrado, Maju Cotrim, ao implantar a acessibilidade no site. Segundo ela,

“A Gazeta sempre teve uma preocupação com a inclusão e a inovação. Produzimos diariamente conteúdo de relevância, nossa preocupação não é apenas gerar links em redes, queremos a qualidade do conteúdo. E agora, todos podem ter acesso ao que produzimos com o reforço desta tecnologia”, disse.  

Para o Marco Aurélio Jacob CEO da Gazeta:

“Desde o início agregamos as transmissões ao vivo, vídeo reportagens para enriquecer ainda mais o conteúdo produzido pela Gazeta. A inclusão de poder ouvir as matérias em áudio vem como uma evolução necessária:  é uma facilidade que ajuda tanto as pessoas que precisam, como as que tem problemas de visão, assim como auxilia aqueles na interpretação do texto, no caso dos alfabetizados funcionais; e inclui também quem quiser escutar enquanto realiza outra tarefa ou atividade física por exemplo e quer se manter bem informado.” 

A estudante de Jornalismo Pollyanna Ferreira de Souza, que tem Deficiência visual, conversou com a Gazeta e gostou muito da novidade:

“A importância do áudio para gente que tem deficiência visual: o áudio se torna visual para gente, principalmente se ele for descritivo, e se descrever as imagens e os detalhes. Vocês estão fazendo uma coisa muito importante pra gente!” 

O Professor Doutor Luiz Sinésio Silva Neto, Coordenado do Curso de Extensão,  Universidade da Maturidade (UMA), da Universidade Federal do Tocantins, UFT, usa a leitura dos artigos no carro para se manter bem informado durante os deslocamentos:

“Essa nova função da Gazeta do Cerrado possibilita maior acessibilidade as pessoas, incluindo as pessoas idosas com baixa visão, escolaridade, manejo do dispositivo eletrônico entre outras dificuldades, garantindo assim acesso ao conteúdo de qualidade do portal. Parabéns a todos pela iniciativa”.

Funcionamento

Simples e prático, a ferramenta permite que o internauta aperte o play, sem instalar programas ou qualquer outra ferramenta. A ideia é expandir o conteúdo em muitas plataformas e canais, com mais possibilidades para milhões de brasileiros que passam a ter acesso à informação de credibilidade, principalmente em um momento tão crítico e delicado como o da pandemia.

A inovação faz parte da parceria tecnológica com a Audima, empresa responsável pelo leitor das matérias, que permite que pessoas com dificuldades de visão ou leitura se apropriem das informações publicadas.

Ao fazer a inclusão, a Gazeta do Cerrado reforça o apoio à Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Lei nº 13.146), gerando maior integração digital e atingindo uma nova audiência que passará a ter um acesso ao conteúdo.

Para a Caroline Reis, jornalista de São Paulo capital e cega total, avaliou a nova ferramenta da Gazeta do Cerrado e comenta aqui:

“Acabei de abrir aqui uma matéria sobre o Covid, pra mim o layout do site tá super acessível, não tive dificuldades, tanto para leitura e aqui quando vc clica no ouvir eu estou conseguindo.”

Outras iniciativas de acessibilidade já se faziam presentes no site, como a customização do tamanho do texto e a opção de alto contraste nas páginas. Hoje, conforme Aretha Fernandes, mais de 50 milhões de brasileiros ficam à margem da informação pela falta de acessibilidade.

E isso, como ela bem lembra,

“Sem contar as pessoas com necessidades específicas, como as analfabetas, que não conseguem ler uma notícia. Portanto, o novo recurso que a Gazeta dispõe aos leitores garante um direito fundamental, a uma parcela da população, que é o direito de ter opinião e de procurar, receber e transmitir informações e ideias por quaisquer meios e livre de fronteiras, como prevê a Declaração dos Direitos Humanos.”

A Gazeta tem como intuito incluir e trazer as novidades necessária para estar cada vez mais ao lado das pessoas, leitores ou possíveis leitores e até quem pode ser um colaborador ou vir a trabalhar aqui, com ou sem limitações. Estamos sempre abertos e preocupados com o todo.

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]