Homem é preso suspeito de agredir e deixar irmãs idosas sem alimentação

Por Gazeta do Cerrado | 23/01/2021

Última atualização em 23/01/2021 11:09

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Um idoso de 66 anos foi preso nesta sexta-feira, 22, suspeito de maus-tratos contra suas duas irmãs, ambas também idosas, de 68 e 72 anos. Conforme o delegado José Antônio da Silva, a prisão do suspeito aconteceu em flagrante delito e foi possível após investigações realizadas a partir de uma denúncia anônima encaminhada à unidade.

Situações desumanas

Segundo o delegado José Antônio, as duas senhoras estariam sendo submetidas a situações desumanas e degradantes em uma residência localizada no centro da cidade de Paraíso. Conforme o Delegado, durante a prisão do suspeito os policiais civis constataram a veracidade dos relatos e das investigações já realizadas. Na residência, os policiais confirmaram que o suposto autor utilizava o dinheiro que as idosas recebiam, a título de benefícios previdenciários, para fins particulares, deixando-as até mesmo sem alimentação e em estado de miserabilidade e total falta de higiene.

Agressão

Os policiais civis também descobriram que o autor agredia as vítimas quando elas reclamavam de qualquer coisa. As duas idosas confidenciaram aos policiais que em determinados momentos comiam manga com água para matar a fome, uma vez que o suposto autor se negava a fornecer alimentação para elas.

Por meio de buscas efetuadas no imóvel, os agentes localizaram e apreenderam uma motocicleta que o autor teria, supostamente, adquirido com o dinheiro dos benefícios das irmãs que, além de idosas, possuem necessidades especiais. Os policiais civis também apreenderam mais de R$ 300 reais em poder do homem e também os dois cartões bancários das irmãs que estavam com ele.

Flagrante

Segundo o Delegado José Antônio, ao ser ouvido, o autor negou a autoria dos fatos e disse que as irmãs eram cuidadas por outra senhora, a qual adoeceu e que há cerca de um ano ele assumiu a responsabilidade de cuidar delas. Diante dos fatos, o indivíduo foi autuado em flagrante por maus-tratos e, logo após a realização das providências legais cabíveis, encaminhado à Casa de Prisão Provisória de Paraíso, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Disque 100 e 180

O delegado José Antônio comentou o caso, afirmando estar chocado e consternado com a situação deplorável em que as idosas foram encontradas. “Muito triste o que presenciamos. Percebemos que o investigado preso não tem empatia e nem se importa com o sofrimento e as privações das necessidades básicas de suas irmãs e que, além disso, ainda tomava posse da renda mensal que ambas possuem”, ressaltou o Delegado ao conclamar a população a denunciar estes tipos de casos pelo telefones do Disque 100 e 180 do Ministério da Justiça.

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]