Lixão no norte do Tocantins gera problemas e divide moradores e gestão: “população não ajuda” diz secretário

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 21/11/2019

Última atualização em 21/11/2019 14:42

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Lucas Eurilio – Gazeta do Cerrado

Um morador de Santa Fé do Araguaia, região norte do Tocantins, divulgou nas redes sociais nesta quinta-feiram 21, um vídeo onde mostra o lixão da cidade e diz que o local estaria abandonado pelo poder público. (Confira o vídeo no final da matéria).

Na gravação, o homem diz que muita coisa é descartada no local.

“Olha aqui a bagaceira que tá aqui, do lado direito na entrada de Santa Fé. Aqui o povo joga carniça tudo quanto é bagaceira aqui”.

Divulgação

Em outra parte do vídeo ele afirma que poder público só “preocupa com o salário e a saúde do povo vai embora, né? Então as autoridades competentes tomem as providências necessárias para que isso aqui não venha a acontecer ou continue acontecendo na nossa cidade, no nosso município”.

Segundo o morador, no local era pra ser construído um parque de exposição agropecuária.

Divulgação

A Gazeta do Cerrado entrou em contato com Danilo Ugles Soares Ferreira, secretário de Meio Ambiente de Santa Fé do Araguaia.

Ele explicou por telefone que existe sim o lixão e que a manutenção no local é feita semanalmente.

“Não temos aterro sanitário e ficamos a mais de 100 km do próximo que é em Araguaína. Nós fizemos um TAC com o Ministério Público para ver se conseguimos criar um aterro sanitário coletivo”.

Daniel disse ainda que é impossível realizar a manutenção todos os dias. “Nós não temos condições de todos os dias ir lá e fazer a limpeza. Não está largado. As valas foram abertas e a gente enterra os resíduos de forma regular aos sábados”.

Ele ressaltou ainda a importância da conscientização da população. “Os moradores não ajudam. Jogam cachorro morto, sofá, geladeira velha, fogão. Os açougues da cidade também jogam resíduos alí e é claro que vai causar mal cheiro, é um lixão”.

O secretário confirmou que uma espécie de salão mostrado no vídeo realmente é do início das obras do parque agropecuário, mas afirmou que a estrutura foi construída pela gestão passada.

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]