Mais de 300 famílias afetadas por enchentes no norte do TO recebem cestas básicas

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 23/03/2020

Última atualização em 23/03/2020 11:03

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Chuvas já deixaram várias famílias desabrigadas na região do Bico do Papagaio

Cerca de 320 famílias foram beneficiadas com a entrega de cestas básicas pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), com apoio do Corpo de Bombeiros Militar, Defesa Civil Estadual e a Polícia Militar do Tocantins, nesse domingo, 22, em São Miguel, a 527 km de Palmas.

A medida foi tomada após o governador Mauro Carlesse decretar situação de emergência no município, causado pelas fortes chuvas na região, que gerou o avanço da margem do rio Tocantins, deixando centenas de famílias desalojadas e desabrigadas na cidade.

Leia tambémMoradores desabrigados, estragos e a luta para salvar o que sobrou em Esperantina; Veja fotos

Cerca de 100 famílias estão desabrigadas após enchente do Rio Lontra

Dona Maria Luciana de Morais, de 66 anos, foi uma das atingidas pela inundação e ficou muito emocionada ao falar do ocorrido.

“A água subiu de repente e veio de uma vez, ela ficou quase na minha cintura. Eu ainda consegui tirar algumas coisas, mas perdi quase tudo. Eu fico grata e emocionada pela ajuda”.

Com o monitoramento de técnicos da Setas, a Secretaria de Assistência Social do município ficou responsável pelo cadastro das famílias atingidas pela inundação e distribuição de senhas para o recebimento das cestas. Entre os beneficiados o pedreiro, Antônio Alves Moreira, que também está desabrigado falou sobre a ação do Governo do Estado. 

“Uma cesta dessa parece pouco, mas pra mim veio em grande hora. Além dos móveis eu perdi todos os alimentos que eu tinha em casa”, ressaltou o pedreiro.

Entre os beneficiados com as cestas básicas está o pedreiro, Antônio Alves Moreira, que perdeu tudo com a inundação – Foto – Antonio Gonçalves

Durante a ação o Comandante Geral do Corpo de Bombeiros e Coordenador de Proteção e Defesa Civil, Coronel Reginaldo Leandro da Silva, e o Secretário do Trabalho e Desenvolvimento Social, José Messias Araújo, visitaram os bairros afetados pelo avanço do rio Tocantins. 

Segundo o Comandante Geral da Corporação, o povoado Bela Vista foi um dos mais afetados pela enchente e afirma que a situação continua sendo monitorada pela Defesa Civil para evitar que mais famílias sejam afetadas.

Entrega de cestas básica em são Miguel Foto – Antonio Gonçalves

“São Miguel teve o maior números de famílias impactadas, principalmente no povoado Bela Vista, às margens do rio Tocantins. A orientação para as famílias é que fiquem atentas aos alertas da Defesa Civil e que não deixem para sair da sua residência na última hora, mesmo que seja difícil, pois temos que priorizar as vidas”, alerta o Coronel Reginaldo Leandro da Silva .

Nesse final de semana além de São Miguel, os municípios de Araguanã, Carmolândia, e Xambioá também receberam a ação do Governo em suporte as famílias atingidas pelas fortes chuvas na região do Bico do Papagaio.

Segundo o Secretário da Setas, a entrega das mil cestas será finalizada ainda nesta semana atendendo a população de Esperantina, São Sebastião, São Bento e Carrasco Bonito. Ele ressalta o trabalho feito pelas equipes da Setas, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, das  Prefeituras e também de voluntários, já que as regiões afetadas são de difícil acesso.

“A base de apoio está sendo no município de Araguatins e o compromisso do Governador Mauro Carlesse é atender todas essas famílias que estão em situação de vulnerabilidade. Nesta segunda-feira, 23, o trabalho continua para entregar as cestas básicas diretamente para as famílias afetadas, até o momento a ação beneficiou mais de 600 famílias”, afirma o gestor.

A Defesa Civil Estadual recomenda à população afetada por essas inundações e alagamentos, que antes de tudo deve-se salvar e proteger a própria vida, a de familiares e amigos. Se precisar retirar algo de sua casa, após a inundação, peça ajuda à Defesa Civil ou ao Corpo de Bombeiros; coloque documentos e objetos de valor em um saco plástico bem fechado e em local protegido.

Nunca se deve beber água de enchente ou comer alimentos que estiveram em contato com as águas da inundação. Orienta ainda sair do local inundado e procurar abrigo onde a família possa se alojar, como casa de parentes e amigos. Em casos como esse, o poder público disponibiliza alojamentos e casas de abrigo para população afetada. Entre em contato com a Defesa Civil local ou ligue para emergência 199 (Defesa Civil) e 193 (Corpo de Bombeiros Militar).

Prevenção ao Covid-19

O Comandante do Corpo de Bombeiros e Coordenador Estadual de Proteção e Defesa Civil, coronel Reginaldo Leandro, ressaltou que mesmo nessa ação humanitária, os agentes do Corpo de Bombeiros além de auxiliar na entrega das cestas e socorro à população, estão dando orientações para que as pessoas se previnam de forma a evitar o contágio pelo novo Coronavírus, causador da Covid-19.

Fonte: Secom Tocantins

#SóNaGazeta
#ChuvasNoTocantins
#FamíliasDesabrigadas

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Marketing: Ana Negreiros

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]