“Não podemos ficar omissos”, diz deputado ao tentar emplacar CPI do Plansaude

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 20/08/2019

Última atualização em 26/08/2019 14:26

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

 

Maju Cotrim

Na Assembleia Legislativa nesta terça-feira,20, o deputado estadual Júnior Geo apresentou um requerimento solicitando informações sobre o credenciamento de hospitais no Plansaúde. O pedido é em caráter de urgência.

Ele já disse que vai atrás do número de assinaturas necessárias para tentar abrir uma CPI sobre o Plansaúde. O pedido foi protocolado na Casa pelo Sindicato dos Servidores Públicos.

Ele precisa de Oito assinaturas para conseguir emplacar o pedido.

A movimentação vem após um áudio ter sido vazado nas redes sociais citando nomes de várias pessoas e empresários sobre suposto pagamento de propina e que não teve nenhuma denúncia formalizada ainda.

Entre os deputados, maioria prefere não falar abertamente sobre o assunto e nenhum manifestou interesse até o momento em assinar. O governo tem ampla maioria na Casa.

Por Volta das 17 horas o deputado formalizou o pedido e está à espera das assinaturas.

Na ocasião, o parlamentar entregou o documento aos demais deputados que estavam presentes para que eles tomem ciência sobre a solicitação. Para que a CPI possa ser solicitada, Geo precisa recolher oito assinaturas. “Acredito que diante do cenário atual, o mais prudente é instaurar uma Comissão Parlamentar de Inquérito para que sejam apurados os fatos diante das denúncias. Não podemos ficar omissos a esta situação”, destacou.

A proposta do deputado surgiu após alguns acontecimentos repercutidos pela mídia, um deles foi a divulgação de um suposto diálogo, em que o médico Luciano de Castro Teixeira cita nomes de várias pessoas e empresários sobre a possível cobrança de propina de clínicas conveniadas ao PlanSaúde.

Outros fatores como a operação Marca Passo, deflagrada pela Polícia Federal no final de 2017, que apurou irregularidades ocorridas na Secretaria de Saúde, dentre elas, fraude em licitações envolvendo a empresa que administrava o PlanSaúde; e o descredenciamento do Hospital Oswaldo Cruz, que expôs a público a dificuldade em conseguir prosseguir com o atendimento ao plano motivaram a solicitação do deputado.

Gazeta do Cerrado
Instagram - Gazeta do CerradoInstagram: https://www.instagram.com/gazetadocerrado/
Twitter - Gazeta do CerradoTwitter: (@Gazetadocerrado): https://twitter.com/Gazetadocerrado?s=09
Facebook - Jornal Gazeta do CerradoFacebook: https://www.facebook.com/gazetadocerrado.com.br  
YouTube - Gazeta do CerradoYouTube vídeo reportagens e transmissões 🔴 AO VIVO🔴: https://www.youtube.com/c/GazetadoCerrado-TVG
Imagem relacionada Grupo do WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/DdY063ahwDvH7s5ufstyPE
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais (63) 981-159-796

Gazetadocerrado.com.br – Para mentes pensantes

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]