No TO, quase 60 mil farão o Enem hoje; Confira o que fazer antes do exame

Por Gazeta do Cerrado | 17/01/2021

Última atualização em 17/01/2021 10:05

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Enem 2019 – Marcio Vieira/Governo do Tocantins

A primeira etapa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ocorre neste domingo (17) e mais de 58,2 mil estudantes estão inscritos para fazer as provas no Tocantins. Neste ano, além das questões de conhecimento, os candidatos que vão realizar as provas devem ficar atentos às medidas de segurança para evitar o contágio do novo coronavírus.

Neste domingo serão aplicadas as provas de ciências humanas (45 questões), linguagens e códigos (45 questões – 5 delas são de língua estrangeira) e redação. Os portões são abertos às 11h30, meia hora mais cedo em relação a anos anteriores, para evitar aglomerações nas portas dos locais de prova.

Além da máscara de proteção, os candidatos precisam estar com caneta preta com tubo transparente e documento com foto. É recomendado que o aluno leve o cartão de confirmação do exame.

Forças de segurança montaram operações para que haja tranquilidade durante a realização do Exame em todo o estado. Em Palmas, o transporte público foi reforçado para atender a demanda. Veja os detalhes de rotas abaixo

Aplicação das provas

  • Abertura dos portões: 11h30 (horário de Brasília)
  • Fechamento dos portões: 13h
  • Início das provas: 13h30
  • Término das provas 1º dia (17/1): 19h
  • Término das provas 2º dia (24/1): 18h30

Transporte público

 

A Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana (Sesmu) informou que haverá reforço das linhas do transporte público para os locais da aplicação Enem na capital. Além disso, equipes de fiscalizações estarão nas estações de ônibus acompanhando os embarques dos usuários para evitar aglomerações. As linhas reforçadas são:

  • Linha 091 (Av. NS-06) – CE Dom Alano
  • Linhas 181/190 – CEM Tiradentes
  • Linha Eixão – Ceulp Ulbra
  • Linha 071 (Av. LO-04) – COL da Polícia Militar
  • Linha 020 (Av. JK) – COL Marista Palmas
  • Eixão Apinajé – EE Frederico José Pedreira Neto
  • Linha 201 (Av. NS-01 em frente à Havan) – EE Prof. Elizângela Glória Cardoso
  • Linha 180 (Av. NS-02) – Unopar Palmas
  • Linha 071 (Arne 51/404 Norte) – EM Monsenhor Pedro Pereira Piagem
  • Linha 180 (Av. NS-02) – Faculdade de Palmas (Fapal)
  • Linha 180 (Av. NS-02) – Faculdade Itop
  • Eixão (Av. Teotônio Segurado) – Unicatólica
  • Linha 151 (Av. LO-05) – Instituto Federal do Tocantins (IFTO)
  • Linha 090 – Universidade Federal do Tocantins (UFT)

 

Segurança

 

A Polícia Militar (PM) e o Corpo de Bombeiros informaram que esquemas de segurança serão reforçados e que centenas de militares estarão em unidades de educação ao longo do dia. Ao todo 232 policiais militares vão realizar a segurança dos locais de prova, realizar escolta e a guarda do exame.

Já a atuação do Corpo de Bombeiros vai envolver 82 militares e 46 viaturas em nove cidades em que há sede da corporação. A maior quantidade de efetivo estará em Araguaína, no norte do estado. O trabalho reforçado das equipes teve início neste sábado (16).

Pandemia

 

Também por causa da pandemia da Covid-19, uma série de medidas foram adotadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação do Enem. O candidato só poderá ter acesso ao local de aplicação das provas se estiver usando máscara e pode ser eliminado do exame se ficar sem a proteção dentro da sala.

O Inep afirmou que reduziu o número de candidatos por sala, que disponibilizará álcool gel nos locais de prova e que terá salas exclusivas para grupos de risco e fará o distanciamento entre as carteiras.

Os participantes que estiverem com sintomas e suspeita de Covid-19 não devem comparecer à aplicação dos exames. Veja a lista com as medidas de prevenção:

  • Uso obrigatório de máscaras para candidatos e aplicadores
  • Disponibilização de álcool em gel nos locais de prova e nas salas (a quantidade total só será conhecida após a aplicação do exame)
  • Recomendação de distanciamento social no deslocamento até as salas de provas
  • Identificação de candidatos do lado de fora das salas, para evitar aglomeração – haverá marcações no piso para ter distanciamento, caso haja fila
  • Contratação de um número maior de salas: na edição de 2019 foram 140 mil locais de aplicação; agora serão 200 mil
  • Salas de provas com cerca de 50% da capacidade máxima
  • Candidatos idosos, gestantes e lactantes ficarão em salas com 25% da capacidade máxima
  • Higienização das salas de aulas, antes e depois do exame.

Fonte – G1 TO

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]