Palmas vai ter acréscimo e receberá R$ 4,5 milhões de repasse do IPM

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 02/09/2019

Última atualização em 02/09/2019 19:50

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

O Município de Palmas deve contar com o incremento de cerca de R$ 4,5 milhões relativos a uma diferença superior a 0,42% de divergência, a menor, no que vinha sendo repassado a Palmas no Índice de Participação dos Municípios (IPM). Este valor deve passar a ser incorporado ao IPM de Palmas, a partir de 2020.

O índice foi publicado no Diário Oficial do Estado na última quarta-feira, 28. O novo valor foi reclamado pela Secretaria de Municipal de Finanças (Seinf), que questionou por via administrativa a distribuição mensal do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) a Palmas.

Segundo a regra de divisão do ICMS, os municípios devem receber mensalmente 25% do que é arrecadado pelo estado, cabendo a cada um, uma porcentagem definida em variáveis fiscais e ambientais. Essa formação é o que forma o valor final do IPM.

Entre os componentes do IPM, um índice importante é o do ICMS Ecológico, que representa 13% do índice. Os outros são 75% de valor adicionado – entradas e saídas de mercadorias; 8% de quota repartida igualmente entre os municípios e outros 4% referentes à quantidade de habitantes.

Da forma que vinha sendo calculado, Palmas estava recebendo o índice de 14,55492065. Porém, após o questionamento da Sefin este índice foi elevado a 14,97850192, o que resultou numa diferença de 0,42358127%.

O questionamento foi apresentado ao Estado, conforme explicou o secretário de Finanças, Rogério Ramos, depois de concluído o estudo de uma consultoria contratada pela Prefeitura de Palmas.

“Eles analisaram os valores usados para definir o IPM de Palmas e detectaram a diferença a menor, devido a divergências de informações nos anexos de um edital. Com base nesses estudos entremos com a medida administrativa e conseguimos alterar o que tínhamos par receber”, contou o secretário

A contestação da Seinf foi apresentada ao Conselho Especial para Elaboração do Índice de Participação dos Municípios (CEIPM/ICMS), órgão ligado a Secretaria de Estado da Fazenda e Planejamento.

fonte: Secom Palmas

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]