Solidariedade: mais de 280 voluntários fazem a diferença para internados no HGP e são homenageados

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 02/09/2019

Última atualização em 12/11/2019 19:18

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

O voluntário é um indivíduo que doa seu tempo para realizar trabalhos sem fins lucrativos em prol do próximo. No ambiente hospitalar essa pessoa oferece carinho, amor, mensagem de fé, dedicação, alegria, compaixão, solidariedade ou simplesmente atenção para quem está passando por momentos delicados de saúde. Para homenagear esses atores que fazem a diferença e celebrar o Dia Nacional do Voluntário, o Hospital Geral de Palmas (HGP) promoveu no último sábado, 31, uma programação especial durante o IV Encontro de Voluntários do HGP.

O evento foi marcado pelas trocas de experiências, entrega de certificados de reconhecimento, mensagens, declamação de poesia e muita música. Na unidade hospitalar o trabalho voluntário é desenvolvido há quatorze anos e conta com 286 voluntários que inclui visitadores hospitalar, grupos lúdicos, massoterapeutas, cabeleireiros, músicos e membros da capelania (religiosos).

Segundo a responsável  do setor de Humanização, Goiamara Borges os voluntários  dedicam seu tempo e seu amor ao próximo, sem pedir nada em troca e fazem a diferença  para os pacientes internados no HGP. “Doar seu tempo, seu sorriso, sua disposição, seu horário para alegrar o outro, dar orgulho de ver pessoas tão predispostas a auxiliar o próximo. É um trabalho que faz mais bem aqueles que ajudam, do que ao ajudado. Parabenizamos todos pelo dia do voluntário, nossa gratidão em nome da direção”, destacou.

Encontro de Voluntários HGP – Luciana Barros

Doação de amor e carinho

“Somos palhaços humanitários e buscamos levar alegria para minimizar a dor que elas estão sentindo com diversão e alegria. Os pacientes e acompanhantes já chamam a gente no corredor  da internação para fazer brincadeiras.  Nós temos uma caixa de brincadeira, com objetos e utilizamos música, que muitas vezes são relembradas pelos próprios pacientes, canções antigas que  nos emociona também. Quando trazemos alegria, nós também levamos conosco”, declarou a integrante do Grupo Chambary com Mocotó que há dois atua com 25 membros.

A cabeleireira Andreia Martins doa seu tempo para cortar os cabelos dos pacientes no leito,  ajudando aqueles que não podem sair para cuidar da aparência. Ela enxerga o HGP como sua  a segunda casa. “Eu não só corto os cabelos dos pacientes, eu converso ofereço atenção e tento levar esperança, além da autoestima,  estou ali para conhecer a história daquela pessoa”, contou emocionada.

 Como se tornar voluntário?

Para se tornar um voluntário,  é necessário participar de um curso ofertado pelo HGP, realizado duas vezes por ano, onde o interessado tem o contato com os procedimentos e normas de acesso ao hospital. Para mais informações entrar em contato pelo  (63) 3218 7898.

Encontro de Voluntários HGP – Luciana Barros
Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]