Tocantins terá ato antirracista e rodas de conversa dia 22 no Parque dos Povos Indígenas

Por Maju Cotrim | 20/11/2020

Última atualização em 20/11/2020 17:01

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Equipe Gazeta do Cerrado

Palmas terá um ato antirracista a partir das 16h30 no Parque dos Povos Indígenas (próximo à posta de skate) na Capital no próximo domingo, 22.

O grupo pede que seja levado máscaras , álcool gel e cartazes.

O protesto será realizado por justiça por João Alberto Silveira, Freitas, homem negro,  assassinado por espancamento em uma unidade do Supermercado Carrefour, nesta quinta-feira, 19, às vésperas do Dia da Consciência Negra, celebrado nesta sexta-feira, 20.

João foi espancando até a morte por homens brancos. Imagens de segurança gravaram o momento em que a vítima era agredida. Vídeos chegaram a viralizar nas redes sociais.

Os nomes dos seguranças presos foram confirmados pela Polícia Civil. São, eles:  Magno Braz Borges, e Giovane Gaspar da Silva.

De acordo com a Polícia Federal, um deles não possuía o registro nacional para atuar na profissão, mas não informou, no entanto, qual dos dois.

A Gazeta vai acompanhar a protesto

Mais sobre o evento

Divulgação

O evento é organizado pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), Coletivo de Juventude Negra (Enegrecer) e os artistas da Batalha do Índio, para de forma simbólica, realçar a importância da Consciência Negra. O Mês da Consciência Negra, Novembro, é necessário para fomentar a discussão da inserção do povo negro na realidade do país e abrir horizontes para a construção de um Brasil Antirracista.

O espaço terá início às 16:30 com uma roda de conversa, para falar sobre as conquistas do povo negro na atual conjuntura. Terá ainda um recital de poesias.

Às 18:00 horas, haverá o início da Batalha de RAP com rimas voltadas para o Combate ao Racismo e realidade do povo negro.

O espaço será aberto para todos que quiserem participar e prestigiar.

Vale lembrar de todos comparecerem fazendo o uso de máscara e do seu álcool em gel.

As informações são do jovem Iã Silva, 17 anos, Diretor de Combate ao Racismo da UBES (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas) e Militante do Coletivo de Juventude Negra (Enegrecer).

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
majucotrim@gazetadocerrado.com.br

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
marcojacob@gazetadocerrado.com.br

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
portal@gazetadocerrado.com.br

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
comercial@gazetadocerrado.com.br

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
marcojacob@gazetadocerrado.com.br