Um papo sobre transição capilar: Tudo o que você precisa saber para começar

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 18/05/2020

Última atualização em 18/05/2020 20:07

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Foto: Tipos de cachos

 

Luciane Santana – Gazeta do Cerrado

Decidiu passar pela transição capilar ? Neste processo, a pessoa decide abandonar qualquer química no cabelo, desde progressiva até o relaxamento. A ideia é aderir às madeixas naturais, valorizando o cacho e o volume. Além do quesito técnico, este método também tem a ver com liberdade e a quebra dos padrões de beleza, exaltando a estrutura original dos fios de todas as mulheres, desde o 2A até a 4C.

 

Duração da transição capilar

Não existe um tempo específico de duração da transição capilar. Este processo começa na última vez que você aplicou química no cabelo até o corte da última mecha com progressiva. Sendo assim, depende muito do crescimento do cabelo, variando de pessoa para pessoa. Geralmente, os fios crescem cerca de 2 centímetros por mês, porém essa estatística muda bastante nos fios danificados, como é o caso dos tratados quimicamente.

Aposte em penteados pra deixar um visual estiloso e moderno. Vale investir em tranças e coques altos.

O cabelo fica muito danificado por causa da química.  Por isso, que tal recuperar o ar saudável seguindo um cronograma capilar? O Cronograma Capilar consiste em alternar os cuidados do cabelo em hidratação, nutrição e reconstrução dando mais enfase para aquilo que perceber que seus fios estão mais precisando. Geralmente quando os fios passaram por cortes químicos o ideal é apostar na reconstrução. O cabelo cacheado tende a ser ressecado, vale apostar em umectação.

Quer acelerar o processo da transição capilar?

Cortar o cabelo pode te ajudar! O ideal é sempre aparar as pontas para tirar a química. Quanto mais curto, mais rápido será este período de transição, isso porque você não precisará se preocupar com tanto cabelo com duas texturas, o que facilita suas técnicas de texturização. Porém cada um tem o seu tempo.

Depois de anos alisando o cabelo, é normal não lembrar qual a curvatura tradicional dos fios. Porém o processo de texturização pode te ajudar nisso!

Big Chop

Para quem quer dar adeus a química no cabelo, vale a pena apostar na técnica do Big Chop. Neste processo, você irá cortar, de uma só vez, a parte alisada. Este é o método mais rápido para enfrentar a transição, porém também é mais radical já que diminui bastante o comprimento. Muitos têm medo de se arrepender enquanto outros curtem o momento. Ver o cabelo crescer e mudar ao longo do crescimento é importante para aprender a lidar e a cuidar do seu tipo de cacho.

Um papo

A maquiadora Tatiane Almeida passou pela transição capilar e hoje se sente realizada e feliz pela trajetória “Valeu a pena! Não foi fácil! Às vezes dava vontade de desistir de tudo e alisar novamente“.

 

Ela optou pelo Big Chop já no inicio do processo ” Foi gostoso! Não fiquei com vergonha de sair na rua! Quando a cabelo vai crescendo parece mais difícil porque você vai descobrindo como seu cabelo realmente é e quer descobrir formas de como deixá-lo ainda mais bonito e com isso incessante busca pelo creme finalizador, gel e shampoo perfeito”

Leia – As box braids são as queridinhas do momento; trancista de Palmas dá dicas

A maquiadora aderiu as box braids depois dos primeiros meses de big chop e garante que facilita o dia a dia e ajuda no crescimento dos fios. ” Meu cabelo é uma mistura do tipo 4A com 4B, e o fator encolhimento impede de vermos o crescimento dos fios e as tranças me ajudou bastante a não desistir. Ajudou bastante no crescimento e o melhor é que sempre estava pronta pra sair” relata

Dicas valiosas

  • Haverá dias que se sentirá linda, outros não
  • Sempre receberá elogios, criticas também
  • Sentirá vontade de desistir, de resistir também
  • Aposte em produtos próprios para cachos
  • Veja vídeos no You Tube sobre o assunto
  • Abuse dos penteados
  • Se decidir fazer o Big Chop procure um profissional
  • Aproveite para abusar dos  acessórios como lenços, tiaras e etc

 

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim - @MajuCotrim
[email protected]

Diretor Geral (CEO): Marco Aurélio Jacob - @MarcoJacobBrasil
[email protected]

Marketing: Ana Negreiros

Presidente do Conselho Deliberativo: Stênio Jacob

Expediente

Sub Editor: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Colaborador: Fagner Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Contabilidade: Júnior Goes

Juridico: Jacqueline Paiva

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 984-571-004
[email protected]

Institucional (63) 981-159-796 (Marco Aurélio)
[email protected]