Operação Jogo Limpo: Foi constatado que dinheiro fomentou campanha e militância de vereadores, diz delegado

| Gazeta do Cerrado - Para mentes pensantes | - 03/08/2018

Compartilhar no Facebook! Tweetar! Compartilhar no LinkedIn Enviar por email Compartilhar no Whatsapp

Brener Nunes

Em coletiva na manhã desta sexta-feira, a Polícia Civil divulgou os primeiros resultados da segunda fase da Operação Jogo Limpo. O delegado Luciano Barbosa afirmou que dos 26 mandados de prisão, 22 já foram cumpridos, e 31 de busca.

O delegado ainda destacou que faltam ser presos o vereador Folha, Major Negreiros Fernando Fagundes e Renato Santos faltam ser presos, disse.

Segundo o delegado Guilherme Martins esta fase é um aprofundamento das investigações. “Conseguimos identificar servidores, políticos e entidades sem fins lucrativos envolvidos no esquema. O dinheiro foi para políticos, servidores e serviços”, contou.

“Foi constatado que o dinheiro foi para fomentar campanha e militância política”, destacou Guilherme.

O delegado ainda esclareceu que foram encontrados comprovantes de depósitos para as contas dos vereadores. “Foram encontradas R$ 10 mil na conta do vereador Rogério Freitas e R$ 40 mil na conta de José Folha. O dinheiro era depositado por empresas fantasmas”, pontuou.

O esposo de uma investigada foi preso por posse de arma de fogo e mais dois investigados também foram presos por posse de arma e munição.

Documentos e computadores foram apreendidos a fim de subsidiar a investigação.

Algumas das entidades investigadas são: Associação Atlética Estrela Real, Associação Titã Cross, Associação dos Moradores de Santa Fé e Associação Estadual de Karatê.

A Polícia Civil investiga um rombo de mais de R$ 7 milhões em órgãos da Prefeitura de Palmas como a Fundação Municipal de Esporte e Lazer (Fundesportes) e da Secretaria de Governo e Relações Institucionais.

Os mandados de busca e apreensão estão sendo realizados em Palmas, Goiânia, Fortaleza do Tabocão e Aparecida do Rio Negro.

As investigações mostram que o dinheiro teria sido usado para financiar campanhas eleitorais em 2013 e 2014. A verba seria destinada para projetos sociais e de incentivo ao esporte

Acompanhe as redes da Gazeta do Cerrado 24 horas por dia:
Aproveite e siga agora mesmo cada uma de nossas redes, pois cada uma delas possui características próprias e são complementares. Estamos sempre a disposição.
Para denúncias ou coberturas: (63) 983-631-319
Anunciar na Gazeta ou em suas redes sociais: (63) 981-159-796

0 comentários

Participe! Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

Direção

Editora Chefe: Maju Cotrim Jacob
[email protected]

CEO, CFO, Diretor Executivo e Marketing: Marco Aurélio Jacob
[email protected]

Expediente

Sub Editor: Brener Nunes

Repórter: Lucas Eurílio

Jornalista: Maju Jacob

Estagiária: Luciane Santana

Assistente de Produção: Maitê Sales

TI: Tiago Bega

Presidente do Conselho Consultor: Stênio Jacob

Contatos

Para sugestões, correções, críticas ou entrar em contato:

Redação: (63) 984-631-319
[email protected]

Para anúncios ou parcerias comerciais

Comercial (63) 981-159-796
[email protected]